JANELA DA ESTELA

JANELA DA ESTELA

sábado, 28 de fevereiro de 2015

A HISTÓRIA DE UM HOMEM

Quando eu conheci aquela mulher fiquei muito impressionado. Ela mexeu comigo. No princípio era tudo interessante.
Nós nos conhecemos no escritório. Na época eu era casado e me sentia chateado com minha vida. Minha mulher estava doente e não descobríamos o que ela tinha. Ela passou por muitos médicos, mas nada de descobrir a doença dela. Ela vivia triste e nervosa, sentia muitas dores pelo corpo todo. Tudo aquilo era muito desgastante. Eu amava a minha mulher e não queria que ela sofresse.

Eu era um cara tranquilo, sem grandes preocupações e só pensava em trabalhar e cuidar da minha esposa. Meu único divertimento era pescar. Uma vez por mês eu me reunia com uns amigos e íamos pescar.
Minha esposa gostava de fazer passeios na praia, sempre que dava fazíamos esses passeios.

Certo dia, na firma em que eu trabalhava apareceu uma moça muito bonita. Ela mexeu comigo. Ela me olhou de uma maneira diferente, ela dava em cima de mim, todo mundo percebia e dizia: Vai lá cara! A mulher está te dando o maior mole!
Mas eu, apesar de ficar impressionado com a beleza dela e do desejo que via em seus olhos, procurava me controlar. Fui educado de uma maneira muito tranquila por meus pais. Eles sempre me disseram que eu nunca fizesse algo do que viesse a me arrepender.

Um dia, a moça bonita arranjou um jeito de me atacar. Então começamos a conversar e eu disse pra ela assim: Você é linda e provocante, mas não estou interessado. Sou casado e tenho compromisso com minha esposa, e ela precisa muito de mim. Procura alguém livre, isso é o melhor que você deve fazer.
No dia seguinte quando cheguei no escritório, havia um envelope com uma carta dentro e era da tal moça. Abri e li, fiquei surpreso com  o que descobri. A carta dizia assim. Meu caro senhor, fiquei impressionada com o seu caráter. Eu dei em cima de você, mas você não me quis. Eu pensei que você fosse cair nos meus braços por causa do meu encanto... sei que sou bonita e gostosa. Saiba que estou muito grata pela lição que aprendi. Eu pensava que todo homem fosse metido a garanhão, mas vi que você não é assim. Fique sabendo que eu dei em cima de você de propósito, ainda depois de saber que você tinha problemas no casamento, mas gostei da sua reação. Você me rejeitou. Ninguém me rejeita todos me querem, mas você me respeitou. Adorei te conhecer. Abraços.

A partir daquele dia ficamos amigos. Conversávamos sobre muitos assuntos. Minha esposa depois de um tratamento especial com homeopatia, teve uma boa melhora e começou a se interessar por alimentação saudável. A vida ficou melhor e até tivemos um filho.

Mona Lisa


Nenhum comentário:

Postar um comentário